Visita à Indústria Aeronáutica Portuguesa

No passado dia 29 de Dezembro de 2015, um grupo de quadros portugueses a trabalhar na indústria aeronáutica em Toulouse visitou vários agentes do sector ou que para ele contribuem em Portugal. Esta visita foi proporcionada na sequência de um encontro em Toulouse, em Outubro de 2015, organizado pela delegação da AICEP (Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal) em Paris, na pessoa do Director António Silva em colaboração com o Vice-Consulado de Portugal em Toulouse, na pessoa do Vice-Cônsul Paulo Santos.

Neste encontro participaram diversos intervenientes portugueses do sector aeronáutico a trabalhar na cidade e João Taborda, membro da Direcção da PEMAS (Associação da Indústria Aeroespacial Portuguesa), Director das Relações Externas da Embraer e membro do Conselho da Diáspora Portuguesa. Deste evento nasceu o convite efectuado por João Taborda para que durante as habituais férias de Natal os presentes visitassem algumas empresas e organismos do sector em Portugal.

Desta feita foram vários os intervenientes, provenientes de norte a sul do país, que aceitaram o convite e participaram nesta visita com uma agenda bem preenchida.

A primeira paragem foi nas instalações da empresa Embraer, localizadas em Évora.

A Embraer é uma construtora brasileira de aeronaves que investiu na construção de duas fábricas em Portugal, inauguradas em 2012, uma dedicada às estruturas metálicas e outra às estruturas em materiais compósitos. Sendo considerada uma empresa âncora no desenvolvimento económico da região, é de salientar o número de colaboradores que a empresa já possui a laborar em Évora: cerca de 400.

No parque industrial de Évora foi possível visitar as instalações da empresa e dar a conhecer aos vários visitantes as principais directivas da mesma em Portugal e no mundo. Seguidamente a delegação de visitantes foi recebida por Carlos Pinto de Sá, Presidente da Câmara Municipal de Évora, que teve oportunidade de explicar as valências do município para atrair empresas que ali se queiram instalar e dinamizar a economia do concelho, com uma aposta muito vincada na indústria aeronáutica.

A visita seguiu então para o Centro de Formação de Évora, sob a alçada do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), e que muito impressionou pelas instalações e valências, essencialmente na aérea da mecatrónica (ramo da engenharia que se dedica ao estudo e desenvolvimento de sistemas mecânicos controlados por computador). Dali já saíram mais de 1.000 pessoas com uma formação técnica altamente especializada e que hoje colaboram não só em empresas do sector aeronáutico, nomeadamente a vizinha Embraer, mas também de outras indústrias (e mesmo noutros países).

A visita terminou em Setúbal com uma visita ao “BlueBiz Global Parques”, um parque industrial da AICEP, situado numa zona estratégica a sul do Tejo e que outrora já albergou as fábricas da Renault. É lá que também estão instaladas algumas empresas do sector, com destaque para as empresas francesas Lauak e Mecachrome. Nesta parte da visita os participantes assistiram a uma apresentação sobre a AICEP, os seus parques industriais e em que medida é que este organismo pode facilitar e incentivar empresas estrangeiras a investir no país.

Ao longo de todo o dia, a AICEP acompanhou a delegação dos quadros idos de Toulouse, tendo sido representada por Carla Tavares, organizadora da visita às três entidades elencadas, e por Adriana Côrte-Real, Diretora adjunta da AICEP. Em jeito de repto foi lançada a ideia de efectuar uma missão de empresas portuguesas a Toulouse para visitar o cluster aeronáutico aqui situado.

Por Lusojornal, Janeiro 2016

Voltar

Anal