Armando Almeida lidera PT em Portugal

O ex-executivo da Nokia Siemens Networks entrou para a PT Portugal, onde vai desempenhar o cargo de presidente executivo, substituindo Zeinal Bava que se dedicará na totalidade à Oi e à integração das operações em Portugal e no Brasil.

Fica a reportar directamente a Zeinal Bava. Armando Almeida passou a ser o líder das operações da PT em Portugal. Este gestor é o novo presidente executivo da PT Portugal. Armando Almeida esteve muitos anos ligado a um fornecedor da PT, a Nokia Siemens Networks, e foi este gestor que, numa visita de Cavaco Silva à Finlândia onde esteve na empresa, garantiu que "Portugal é um país importante para a Nokia Siemens, um país onde nós temos hoje investido e onde temos duas mil pessoas a trabalhar. Achamos que Portugal está a passar dificuldades mas queremos dar o nosso apoio a 100%, acreditamos que o povo português tem características importantes para ajudar a Nokia Siemens e para passar por esta crise".

Apesar desta certeza, Armando Almeida acabou por sair da empresa Nokia Siemens, onde desempenhou funções de vice-presidente para a Europa e África. Zeinal Bava já salientou, à Reuters, a "larga experiência na área tecnológica, em várias geografias e com grande capacidade de liderança de equipas" de Armando Almeida.

Armando Almeida entrou em 2007 para a Nokia Siemens Networks, com responsabilidades na América Latina. Em Janeiro de 2011 foi liderar a divisão de serviços desta empresa para Helsínquia, na Finlândia, ficando, passado um ano, com a responsabilidade de Europa e África.

 

De acordo com a sua biografia disponível no Linkedin, Armando Almeida esteve seis meses nestas funções, ficando, depois, mais meio ano em sabática, até que entrou na Vertix Consulting, desempenhando ainda funções na Avanxo, VPO e Novimark. Antes de ingressar na Nokia Siemens Networks, que lhe permitiu viver nos Estados Unidos, México e Finlândia, esteve na Nokia, HP, Compaq.

Estudou na Universidade de Witwatersrand, em Joanesburgo, na África do Sul, onde tirou a licenciatura e o doutoramento em engenharia.

O português, a viver actualmente nos Estados Unidos, é membro conselheiro do Conselho da Diáspora Portuguesa. Tem 53 anos, é casado e tem cinco filhos.

 

Por Alexandra Machado, Jornal de Negócios.
04 de Agosto 2014. 

Voltar