Iniciativa Portugal Inovação Social

A iniciativa Portugal Inovação Social acaba de divulgar os resultados positivos que tem alcançado no âmbito de três instrumentos de financiamento que, sob sua gestão, visam apoiar projectos de inovação social em Portugal, nomeadamente “Capacitação para o Investimento Social”, “Parcerias para o Impacto” e “Títulos de Impacto Social”.

Terminado o primeiro período de candidaturas ao instrumento de financiamento “Capacitação para o Investimento Social”, que se propõe financiar o desenvolvimento de competências de gestão das equipas envolvidas em projectos de inovação social, é já possível realizar um primeiro balanço: foram submetidas 168 candidaturas válidas, correspondendo a 7,85 milhões de euros de necessidades de financiamento, com 81 candidaturas a Norte, 72 no Centro e 15 no Alentejo.

Por sua vez, os outros dois instrumentos de financiamento geridos pela Portugal Inovação Social, “Parcerias para o Impacto” e “Títulos de Impacto Social” concluíram já o seu primeiro período de candidaturas e aprovações. Quanto a montantes, dos já referidos 11,5 milhões de euros, 8,5 milhões de euros são assegurados por fundos europeus através do Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (POISE), e 3 milhões de euros são assegurados por investidores sociais.

Destes projectos de inovação social, 35 vão ser financiados através do instrumento “Parcerias para o Impacto”, que apoia o desenvolvimento de projetos de inovação e empreendedorismo social, financiando 70% do projecto, sendo o restante assegurado por Investidores Sociais. Assim, num total de 10 milhões de euros para apoiar estes 35 projetos, 7 milhões de euros são assegurados por fundos europeus e os restantes 3 milhões de euros assegurados por investidores sociais.

Os três projectos restantes serão financiados através do instrumento “Títulos de Impacto Social”, no âmbito do qual, numa lógica de pagamento por resultados, são apoiados projectos de inovação social alinhados com prioridades de política pública. Neste caso, os Investidores Sociais financiam o projecto, sendo integralmente reembolsados se os resultados sociais previamente contratualizados forem alcançados.

 

Por Jornal Económico, Julho 2017

Voltar

Anal